NBB: Quinta chance em 15 dias

Foto: Brito Júnior/Divulgação

Pedro Marra
torcida@jornaldebrasilia.com.br

Com decisão unânime do Conselho de Administração da Liga Nacional de Basquete (LNB), a regularização financeira e estrutural das 17 equipes pré-inscritas na 10ª edição do Novo Basquete Brasil (NBB) ficou para o dia 25 de agosto. É o terceiro adiamento do prazo, que atendeu às necessidades do Brasília e do Macaé – ambos os times correm atrás de apoiadores.

No próximo dia 29, será confeccionada a tabela da temporada 2017/2018, em reunião da LNB. A preocupação da liga diante do momento difícil pelo qual o clube passa é um ponto positivo na visão de Homero Neto, presidente do Instituto Viver Basquetebol (IVB). “Existem duas frentes para fechar um patrocinador máster. Uma é o BRB, que estamos lutando para concluir, outra é uma empresa nacional. Com os adiamentos, a gente tem sido prontamente atendido pela liga, diante desse momento difícil”, conta.

O time tem quatro novos apoiadores definidos, uma empresa de material esportivo, suplementação nutricional, medicina esportiva e comunicação social, todas nacionais.

O responsável pela captação de patrocínio, Leonardo Buarque, fez uma segunda tentativa para trazer de volta o apoio da Terracap, que possui um rombo de R$ 1,3 bilhão. “A gente tentou com eles mais uma vez, eles nos deram um feedback e posso garantir que a parceria está descartada”, lamenta.

Patrocínios em andamento

Segundo Leonardo Buarque, 70% das negociações estão concluídas, o restante depende do acordo com os patrocinadores máster. “A gente tem avançado muito nas negociações. Mas a definição de valor é uma questão que demanda um pouco mais de tempo.”

Ginásio

O advogado do clube nas negociações para renovar o contrato com o Ginásio da Associação dos Empregados da CEB (Asceb), Rafael Klier, disse que não pode entrar em detalhes sobre as negociações, mas garante um mando de jogo para o Brasília.

Cadastre-se para receber as notícias do Jornal de Brasília.

COMPARTILHAR