Siga o Jornal de Brasília

Brasil

Justiça converte em preventiva prisão de agressor de empresária

Da Redação
redacao@grupojbr.com

A Justiça do Rio de Janeiro converteu, na tarde desta segunda-feira (18), em prisão preventiva a detenção de Vinícius Batista Serra, 27 anos. O homem espancou por quatro horas a paisagista Elaine Carrapoz no apartamento dela, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. Ele é acusado de tentativa de feminicídio.

O juiz ainda determinou o encaminhamento do acusado para avaliação médica psiquiátrica.

Entenda

A empresária Elaine Caparróz, de 55 anos, foi espancada durante quatro horas por um homem que conheceu na internet em seu apartamento. Ela foi encontrada desacordada após vizinhos ouvirem pedidos de socorro. Em seguida, eles avisaram o zelador do prédio e acionaram a Polícia Militar.

Elaine, no hospital, contou como foram as agressões. “Ele falou: deita no meu ombro para a gente dormir abraçadinho, para dormir juntinho. Aí eu falei: tá bom. Eu acordei com ele me esmurrando a cara”, declarou. Ainda de acordo com ela, os dois trocaram mensagens por oito meses, antes de marcar o primeiro encontro – um jantar em casa.

O agressor foi identificado como Vinícius Batista Serra, de 27 anos, e foi preso em flagrante por tentativa de feminicídio. Para os policiais, ele disse que tomou vinho, dormiu e acordou em surto.

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA

Mais lidas