Siga o Jornal de Brasília

Sem Firula

Bom programa

Futebol é sempre um bom programa para o feriado.

Neste dia 15 de novembro, Proclamação da República, não vai faltar bola rolando pelo Brasil – e com múltiplos interesses.

Flamengo e Internacional, diante de suas torcidas, jogarão suas últimas chances de brigar com o Palmeiras pelo título nacional.

Em horário para lá de agradável (se a chuva prevista não se confirmar, é claro), o rubro-negro receberá o Santos.

Na Gávea, em festa pela comemoração oficial de mais um aniversário do clube, ainda existem problemas com Diego Alves – que não se resolverão nesta administração.

A equipe dirigida por Dorival Junior sabe que, ganhando, ainda sonha com o troféu. Em caso de derrota, até mesmo a vaga no G-4 para a Libertadores ficará ameaçada.

Como o Santos vacilou na segunda-feira, perdendo no Pacaembu para a Chapecoense, esperasse uma partida aberta, com os dois times buscando a vitória – o Peixe precisa dos três pontos para continuar na luta pela Libertadores em 2019.

O Colorado tem, teoricamente, uma tarefa mais fácil.

À noite, fechando a rodada, enfrentará o América Mineiro.

Duas realidades totalmente distintas.

O Internacional, que subiu este ano da Série B, inesperadamente passou a brigar pelo primeiro lugar. Mas esta briga só continua se ganhar do Coelho.

Coelho que subiu com o Colorado (como campeão), mas está prontinho para voltar à Segundona.

Uma derrota praticamente elimina as chances de permanência do time mineiro na elite na próxima temporada.

É, na teoria, uma partida tranquila, mas…

Não se pense, porém, que apenas os (ainda) postulantes ao título animam o feriado no futebol.

Em jogo de desesperados, a Chapecoense recebe o Botafogo.

A animação na Arena Condá pode ser uma faca de dois gumes.

O time catarinense, como já foi dito, venceu na rodada passada (sua primeira vitória fora de casa). Agora, para continuar remando contra o rebaixamento, precisa bater o alvinegro carioca, que também vem de vitória (bateu o Flamengo, sábado, no clássico carioca).

Quem perder ficará em situação extremamente comprometedora – o empate é ruim para os dois.

Programaço para o pessoal do Oeste catarinense.

Finalmente, ainda no feriado, o São Paulo vai jogar suas esperanças de uma vaga na fase de grupos da Libertadores contra um rival direto na luta, o Grêmio.

Depois de demitir o treinador Diego Aguirre justamente por perder o quarto lugar no Brasileiro, o tricolor paulista sabe que só a vitória interessa.

O mesmo vale para o Grêmio.

 

E com um detalhe interessante: o Flamengo, no Maracanã, vai estar de ouvidos atentos ao que acontecerá no Morumbi.

Grêmio ou São Paulo podem tomar seu lugar numa combinação de resultados.

Nada, porém, se compara à festa que certamente acontecerá no Castelão, em Fortaleza.

Vaga na Série A garantida, título da Série B conquistado, o Fortaleza vai fazer a festa no feriado diante do (rebaixado) Juventude.

A galera do Leão do Pici vai pedir a Rogério Ceni que permaneça no clube.

E nada melhor para fechar um feriado do que festa de título, não é mesmo?

Continue lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade
  • CHARGE DO DIA

Mais lidas