Há, à ou a uma hora?

Eita! Confusão. Afinal, quando se fala, é a mesma coisa. Na hora de escrever é que o bicho pega e muita gente para pra pensar: É com agá? Tem crase? É sem acento? Vamos dar uma olhada em cada caso, então.

Há uma hora

Publicidade

Esse tem a impressão de ser mais simples porque dizemos que se escreve com a letra agá quando se trata do verbo haver: “Eles passaram por aqui há uma hora”. Uma dica bem legal é lembrar-se de que o “há” pode ser trocado por “faz”. Vejamos: “Eles passaram por aqui faz uma hora”. Um paralelo também pode ser feito com o verbo “tem”. O falante do português usa muito essa estratégia: “Eles passaram por aqui tem uma hora”.

A utilização desses verbos aponta que é tempo passado. Já está indicando que a ação ocorreu atrás no tempo. Sendo assim, lembre-se de não misturar a utilização do “há” com “atrás”. O exemplo da redundância seria: “Eles passaram por aqui há uma hora atrás”. Retire o “há” ou o “atrás”, tá? O resultado é igual. Sendo assim, escolha: “Eles passaram por aqui há uma hora” ou “Eles passaram por aqui uma hora atrás”.

À uma hora

Esse está apontando a crase com o acento grave. Para isso, é necessário ter uma determinação. Essa especificidade ocorre porque estamos indicando um horário específico: a uma hora da manhã ou da tarde. Pode-se dizer que “costumamos almoçar à uma hora da tarde”.

É bom lembrar que a colocação de artigo antes da hora unidade de medida de tempo marca essa determinação. A sua utilização mesmo diante do numeral “um” evita algumas possibilidades de dúvidas: “Ele correu uma hora” (sua corrida durou uma hora ou foi mesmo à uma hora da tarde?). Lembro, também, que, por ser unidade de medida, pode-se escrever com o algarismo arábico e com o “h” como símbolo de hora: “Costumamos almoçar à 1h da tarde”.

A uma hora

Por fim, quando escrevemos assim, sem o agá e sem o acento grave, podemos indicar um momento indeterminado, aquele sem especificar quando vai acontecer: “Cobrei o relatório da secretária e ela me disse que vai fazer a uma hora dessa”. Significa dizer que ela não determinou o momento, mas vai prepará-lo. Aguarde!

Outra situação em que se escreve dessa forma é quando se quer indicar um espaço de tempo, ou mesmo de distância, apesar da palavra hora: “A palestra vai começar daqui a uma hora” (e nesse caso não se pode usar “1h”). O exemplo para distância pode ser: “A escola fica a uma hora, caminhando, do ponto de ônibus”. Longe, né? Para quem quiser argumentar que se mantém a situação de tempo, faça um esforço pra lembrar se nunca ouviu alguém dizer: “Meu trabalho fica a uma hora de distância de casa”. Não é?

Cadastre-se para receber as notícias do Jornal de Brasília.

COMPARTILHAR