Festival de Vacances no C’est la Vie

As férias da garotada vão se tornar ainda mais divertidas com as atrações que o C’est la Vie traz para os sábados dos meses de janeiro e fevereiro no Festival de Vacances. Entre elas está o projeto “Pipocando Poesia”, um sarau itinerante, interativo e performático realizado com sucesso pela cidade desde 2008 e que já teve como convidados a atriz e escritora Elisa Lucinda, a poetisa Marina Mara, a atriz Patrícia Del Rey e o ator Juliano Cazarré.

No comando do Festival está a atriz, roteirista, escritora, musicista, produtora cultural e poetisa Manuela Castelo Branco, que dá vida à palhaça Matusquella, a responsável pelas brincadeiras.

Publicidade

Para começar a aventura, no dia 21 de janeiro, uma tradicional apresentação de mágicas feitas com cartas, cordas e outros objetos considerados “mágicos” pela Matusquella.  Já no dia 28 de janeiro, o sábado será de histórias, música e muita poesia brasileira. A Matusquella vai contar a “História do Menino Sem Nome” de cima das pernas-de-pau. “A ideia é levar as crianças até o céu com a imaginação”, adianta a palhaça.

No dia 4 de fevereiro, fechando o Festival de Vacances, Matusquella leva o projeto “Pipocando Poesia” para os jardins do C’est la Vie. A atração sugere a troca de um verso por um saquinho de pipocas com sabores muito especiais, produzidos pela palhaça-pipoqueira. É uma oportunidade de colocar a garotada mais próxima da poesia brasiliense e brasileira.

Programação

21/01 – Isto é mágica

28/01 – Contação de histórias

04/02 – Pipocando poesia

Sobre Manuela Castelo Branco

A atriz, que também é a diretora artística do grupo Nó no Sentido, concluiu a Artes Cênicas na UnB. É produtora cultural, musicista, escritora e roteirista. Trabalhou com diversos diretores renomados como: Hugo Rodas (MIRAGENS), Gê Martu (O CORPO HUMANO), Humberto Pedrancini (A RUA É UM RIO BRILHANTE), ENCANTADORES DE RUAS (coord. José Regino), Fernando Villar (TEORIA DO ESPAÇO ACÚSTICO), Bárbara Tavares (PRESÈPIO DE HILARIDADES HUMANAS), entre outros.

Manuela também se destaca por sua produção literária e peças de teatro, como MEU CERRADO, CERRADINHO, escrita especialmente para compor com os projetos de Educação Ambiental do ZÔO BRASÍLIA, o livro coletivo de poesias ESPELHOS DA PALAVRA de escritores latino-americanos, versão bilingue e o livro de poesias concretas M. ulti FôRm (as), apoiado pelo FAC e recentemente publicado.

Serviço
Festival de Vacances do C’est la Vie
Dias 21, 28/01 e 04/02
Horário: 17h
Local: C’est la Vie, 408 Sul
CI: Livre
Entrada Franca

Cadastre-se para receber as notícias do Jornal de Brasília.

COMPARTILHAR